• Senryu

Buddy Complex

Atualizado: Mar 8

Publicado originalmente em Makai Knights em 11/10/14

#BuddyComplex #hinacomplex #anime #mecha #sunrise #brasilanimecafe

Oi gente, resolvi mudar um pouco meus planos, os quais não queria revelar, mas acho que não posso ficar tão largado quanto a este blog e continuar meus posts sem um plano (mas vou contar até de modo a me cobrarem no futuro e eu não esquecer).


Daqui até o fim deste ano (ou no máximo primeiro trimestre de 2015) pretendo falar aqui sobre: Gundam 0079 (os filmes serão avaliados, me decidi finalmente como fazer), G gundam (ainda vendo, )ZZ Gundam (ainda vou ver todo em maratona que deus me ajude!), Gundam Wing (que se nada mudar é um dos seguinte dos próximos reviews), Gundam X (um dos próximos, mas espero não ficar em gundam, gundam e mais gundam nos próximos meses e revesar com algumas outras coisas)


E se antes de eu colocar tudo isso Gundam Build Fighters Try e G reconquista terminarem também vou colocar aqui o review delas, fechando o prometido especial de 35 anos bem provável de bônus mande um review de Unicorn, com diferenças entre a novel é os filmes).


Atualização (28/12/19)

Eu ainda pretendo fazer uma análise de todas as série principais de gundam (e dos spin off´s e side story´s pra compensar a minha preguiça, mas já aviso que aqui não é um blog de gundam, então vou falar de outros animes...; fica o aviso que isso vai me tomar um tempão, então aguardem que com o tempo eles veem, pois é melhor deixar fluir do que colocar metas ambiciosas).


O próximo post deve ser um apanhado das feiras de games deste ano (E3, PAX, TGS), com uma pequena critica sobre esta nova geração que está em movimento!

E no ano que vem se tudo der certo abrir um canal no Twitch pra podcasts (assuntos gerais) e gameplay de games! (nota: como era ambicioso sem ter bases!, se tem algo que aprendi é faça as bases primeiro e depois anuncie! Então aqui no Brasil Anime Café as coisas vão ser diferentes!, primeiro eu apronto e testo algo novo e depois coloco no ar e anuncio este algo novo...; aprendi que mais vale um anuncio concreto que um "vazio").


Agora sobre o assunto deste preview, eu acho que vale muito o alerta, eu geralmente gosto de colocar coisas de qualidade aqui é também os desastres, num sentido de mostrar, olha é assim que se faz, olha isso é o que se tem de errado, mas nada é mais didático do que não se deve fazer em um anime de mecha do que Buddy Complex!!!, ele não tem só os "erros normais" da Sunrise, mas ele tem seus extras!!!


Vou explicar melhor nos meus prós e contras, mas já lhe adianto que esta série tem um humor involuntário gigantesco, junto o fato de ser completamente diferente na tela, do que a sinopse tenta vender!


Foi bom E Acredite se quiser! mas teve! se não, ninguém teria motivos de vê-la!


  • A coragem em pegar uma série planejada para duas temporadas é admitir o fracasso em firmar uma franquia, junte com o fato de não insistir no erro com uma temporada 2; mas ao mesmo tempo ter a decência para com os fãs desta série e terminar a história que tinha ficado em aberto (mesmo que correndo num especial/filme de 50 minutos dividido em 2 episódios) foi de se elogiar!

  • A musica Unisona foi uma ótima escolha na abertura.

  • A grande atuação de Kana Hanazawa (aliás diga-se passagem a unica dubladora com alguma inspiração nesta série), ela passou toda a paixão, dor e sofrimento da Mayuka, desde o processo dela se apaixonar pelo Aoba, ao processo de preferir ficar na zona da amizade (friendzone) por causa paixão de Aoba por Hina.

  • Só o detalhe do Aoba não ter o dramalhão pacifista de algumas das séries da Sunrise, ele um cara que não exita em matar num combate, a exceção, lógica, da paixonite dele a Hina, mas acaba isso meio que virando detalhe bobo.


Foi ruim Se prepara pois a lista é longa!


  • O que me faz ver uma série de ação e me mantém vendo; é o quanto os protagonistas se mostram únicos, diferentes ou simplesmente simpáticos (resumindo algo que crie uma empatia entre eu é a série) é também o quanto o vilão (ou vilões), os puxam os heróis até o limite (de modo crível dentro do enredo), só que aqui todos os elementos dão errado!; começando pelos protagonistas; Dio tem o charme de uma porta!; parece uma tsundere de calças (este anime em especifico, já gerou discussões diversas sobre qual termo usar pois vamos dizer que o termo certo é yadenre, mas é meio como vou dizer ligado a coisas que crianças não podem ler..., mas de certa forma ambos são usados as vezes para a mesma coisa; uma pessoa que mostram uma casca grossa, ofendem os amigos e família e usam isso como uma proteção, mas no fundo são pessoas gentis...), isso é o que o roteiro passa! Mas o ator (seiyuu/dublador) ficou perdido a série inteira!, sem saber o tom pra dar ao Dio e preferiu ir no automático; já o Aoba é o tipico protagonista de mecha que entra de "paraquedas" no mecha e somos obrigados à aturar um civil pilotando na guerra, mais uma vez!, o ator tenta dar seu melhor!, mas com um texto pra lá de clichê, você até o meio da série já vai saber o que ele vai falar antes de falar e saberá como ele vai agir em pouquíssimos episódios; quem realmente é o centro da história e a Hina (pois de certo modo ela é o grande macguffin desta série); para quem não sabe isto é uma expressão de Hollywood, usada para um método básico de se fazer roteiro, que é definir um "motor" para os acontecimentos; como um, o que move centralmente os personagens?, de modo à dinamizar os personagens é a história), ela é a motivação do Aoba; é a motivação também de um certo cara que fundou um império todo por vingança e dor de corno! (a.k.a o vilão "final" da série); mas quem esperava uma história sobre ficção, sobre futuro em risco ou uma história de amor, vai encontrar outra coisa totalmente diferente!; o que vai ver é a história sobre uma mulher totalmente perdida; diga-se de passagem literalmente no tempo e espaço!; que quer reencontrar seu caminho!, só com o pequeno detalhe que até o capitulo 10, a série tentava te vender uma falsidade.

  • Das palavras brilhantes do filme do laboratório de Dexter (viagem no tempo dá muita dor de cabeça) e mais uma vez! Quando uma complicação de roteiro tem que ser explicada? Se usa um chart!!!, muito bem Sunrise; para quem assistiu e não entendeu nada ou pra quem ainda não assistiu, vai uma explicação deste chart de viagens no tempo; mas se não quiser tomar spoilers de praticamente a série inteira? Então pule este "item" da análise AGORA!!!, não leia a parte sublinhada e leia o próximo item! bom já foi avisado nê? então lá vai: A série é uma confusão de 4 linhas do tempo as quais com coisas da própria série eu posso contradize-las! Das quais são!: linha um Aoba e Hina se conhecem na Universidade e começam depois de formados principalmente a participar dos testes iniciais do sistema de coupling (o termo é idiota mas me aprofundo mais nisso depois), o sistema se baseia basicamente nos engramas cerebrais dos dois que são muito parecidos (se isso é a base da pesquisa, então vale uma nota, como é que o cientista que criou a base do sistema, e ensinou a quem melhorou o sistema tempos depois a cientista da nave Elvira; e ela não conhece O NOME E NEM O ROSTO DAS PESSOAS QUE PARTICIPARAM DA PESQUISA DELE?, OK em teoria uns 60 anos se passaram, mas esquecer algo tão importante da pesquisa, afinal seu sistema SE BASEIA TODO NISSO!!!), num dos testes de cabine Hina viaja tão profundamente nas memórias, que vai parar no futuro (de corpo e mente apesar que na linha 1, vamos convencionar o nome assim, ela só sumiu por 5 minutos!), onde ela conhece o Dio, passa por tudo o que vimos acontecer com o Aoba, ao menos quanto a maquina (inclusive em teoria o "episódio da ilha", que é o motivo da paixonite do "Bison 1"; que vamos convencionar assim também, só um outro detalhe deste Bison, ele morre perdido no espaço tempo; logo no episódio 1, se bem que pensando mais ainda os diálogos dele no episódio 1, não batem com o que é falado no episódio final) e se tem o loop do Alasca versão 1 que faz a Hina aparecer na linha 2 com todas as memórias mas "presa nesse tempo" (ou melhor dizendo é a linha da Hina do capítulo 1) o qual é o que vemos na série, versão Aoba pois ainda temos a linha 3 em que no capítulo 13, tem,a versão que o Aoba não vai atrás da Hina ela entra no Loop, só a diferença é desta vez Aoba tava lá no futuro, a Hina ao invés de ir parar no tempo de colegial do Aoba, acaba indo parar numa cidade rejuvenescida dezesseis anos e exatamente 10 anos no passado do loop e sem memórias!, o que explica a Hina presente no "futuro" em que o Aoba para, mas ao fazer coupling triplo! o Aoba vê os ciclos de Loop na mente da Hina e ela é salva de entrar no Loop; mas só que desta vez é o Bison que fica preso sozinho no tempo, e com informações privilegiadas do futuro e com muita raiva (leia-se dor de corno!), ele começa a montar sua vingança e um império pra assumir!, nisso nasce Zogilia é a linha 4!, no fim do especial da série abre-se outro buraco que Aoba e Hina usam pra voltar pra linha 1 (só tem um detalhe Aoba não estava na cabine na hora do teste só tava assistindo, isso em teoria não geraria dois Aoba´s!? na mesma linha!?, ou o sistema é tão "mágico" que só foi ele entrar desesperado na sala que ele foi "jogado" fora do tempo!? e voltou do nada!?).

Isso é só um "resuminho" das viagens do tempo...

Ponto seguro e fim dos spoilers gigantescos !!!

  • A série no seu andamento é uma enrolação, os responsáveis diretos disso são o roteirista e o diretor, tendo a disposição treze episódios? ele tinha que ser ágil pra um "anime de guerra" (em teoria foi vendido assim!) e explicar rápido o mundo, conflito é os protagonistas; o que se teve foi muito episódio que ia do nada ao lugar nenhum e ainda combinado com os episódios de calmaria antes da tempestade comum em animes de mecha e guerra, então em suma a série para mim só tem poucos episódios que andam com o plot que são (pra mim) 1, 2 (onde temos tudo o que precisamos saber basicamente de Hina; sendo exato o que ela significa para o Aoba e Dio), 8 (onde anda a relação entre a Hina da "linha 3" é o Aoba, e se quiserem o 4 anda alguns relacionamentos de personagens secundários, isso se quiserem ver!?), 12 e 13 (onde a confusão temporal fica "pior ainda"!!!) é o especial que encerra a série (foi um erro dividi-lo em dois episódios pois, como vou dizer, se assisti-los em separado vai ficar com a impressão que o 1 é uma introdução é o 2; tem o que realmente interessa; se for ver, veja os dois juntos!; ou para diminuir a "dor"; assista logo o 2).

  • Os episódios 4,5,6 e 8 são um desserviço total à série! (é o 8 principalmente!!!), 4,5 e 6 são episódios de calmaria que não andam nada pro plot, não desenvolve o elenco principal (é mais como um vamos dar uma chance pro elenco secundário e de importante só temos a Mayumi conhecendo melhor Aoba e um relacionamento só citado que vira casamento, again); 8 o problema é já vimos isso antes é foi em gundam seed!, o mesmo andamento, mesmo "entendimento mutuo", só mudou o contexto da situação na Ilha!

  • Já ouvi falar em elenco desanimado com o trabalho, mas o desta série se supera! e em muito! Em especial as péssimas atuações dos dubladores de Hina, Dio e Bison (Saori Hayami, Kouki Uchiyama e Takariro Sakurai respectivamente), o resto tirando uma certa pessoa cita acima (leia-se Kana Hanazawa que fez a Mayuka Nasu), foi praticamente no automático, inexpressivos normalmente e carregando demais (em alguns casos) nos momentos de expressar algo...

  • Dá pra levar a sério uma série que tem um império que quer expandir por expandir!? e cujo o "real" chefão é desconhecido!!! (até vir o especial pra diminuir a vergonha e dão um golpe no "nada" e assume o vilão com sangue nos "zoios"e muita dor de corno!!!; que é desposto no finzinho para dar uma cena legal à um secundário querido dos fãs, mas que não faz o menor sentido devido ao fim do  episódio 13, que passa ideia que ele (Bison), foi base de suma importância pro império Zogilia ser o que é!).

  • Dá para levar a sério uma série que usa o termo coupling!? (o problema é Pacific Rim tinha saído faz 8 meses antes e no roteiro usavam a "mesma tecnologia" que eles se basearam, para não usarem os mesmos termos como drift, ponte, ligação, eles saíram inventando termos), mas ao invés de deixar legal deu uma impressão (na realidade nunca chega à isso, então é "falsa" impressão) que isso era um anime yaoi/gay, pronto falei o termo que não devia!, crianças NÃO pesquisem o termo se forem pequenos..., (eu não me responsabilizo pelo que vão achar) e usam termos mais e mais estranhos como o bordão do connect with e aception!?, dá mesmo pra levar a sério isso!?

  • A propaganda meu deus, que coisa mais perdida, a sinopse parece coisa de Yaoi, o PV parece um romance com viagem no tempo!?, com um toque de exterminador do futuro (do tipo isso vai mudar tudo!!! nas linhas de tempo!, que a viagem em si é essencial!, o que no "fritar dos ovos", são 4 "acidentes") é o PV do fim da série é Gundam Seed in space!!!

  • Isso foi feito pra vender bonecos? só o que fazer? quando TODA A LINHA DE MECHAS É FEIA PRA CARAMBA!!! invista tudo nos mechas principais! (que diga-se de passagem são mudados no ultimo episódio da série pra ficarem mais gundam like; com V fim é tudo!!!), sem contar que o sistema coupling virou uma muleta imensa de resolução de problemas, quando se pensava que existia um cérebro tentando se esforçar pra salvar a parte de ação (que era bem monótona), se viu que não tinha ninguém! E a esperança ia pelo ralo! (eles tentavam adicionar alguns elementos de dificuldade, mas tudo é desculpa para nunca conseguirem resolver através do talento do piloto, ou na qualidade da máquina, ou na estratégia é sempre com alguma "trapaça" do sistema de coupling! isso virou uma muleta que eles não largaram a série inteira!).


Conclusões


Olha se quiser ver uma aula do que NÃO se deve fazer ao produzir uma série, este anime é obrigatório! protagonistas sem sal, um marketing tão perdido quanto à produção!, atuações pobres!, roteiro desastroso!, e ainda um título que não faz sentido com o que foi a série!; ainda soma-se uma cara de pau de achar que tava ótimo e de pretender formar uma série "longa" com isso, acabaram tendo que pagar caro (pois tiveram com os maus resultados cancelar a segunda temporada e com junto isto "perder todo o material feito", além de adiantar a série original de 2015 que foi Cross Ange e ainda criaram a função de seção de teste, feita recentemente com Gundam Reconquista in G e Cross Ange, o que no caso do segundo me pergunto se isso adiantou de algo!?) , ao menos para os poucos fãs que pediam um final (e geralmente no "show biz em geral" são ignorados) eles resolveram colocar um fim definitivo à obra que deixaram em aberto, (coisa bem rara, pois o normal é fracassou = deixa em aberto mesmo!), mas foi este ato de um grande respeito aos fãs!, é inegável neste caso que pau que nasce torto nunca se endireita!, a série é um desastre por todos os lados, mas dá pra rir de uns termos; vendo eles no contexto da série e de algumas situações, mas é um anime altamente não recomendável.


Dou a ela a nota 2,0 é desastrosa, constrangedoras e franca candidata ao posto de pior anime de mecha de 2014, todos os erros básicos estão aqui (Cross Ange em 2 episódios já mostra que existem os erros "veteranos" e "avançados"!), ao menos tiveram respeito com os poucos fãs, mas isso não apaga o conjunto péssimo da obra.


Sobre legendas tem em português pelo punch, com a qualidade sofrida de sempre deles, não deve encontrar legendas em inglês (ou até vai com alguma dificuldade), pois a Funimation licenciou para stream nos Estados Unidos (eu até colocaria links diretos para eles, mas a empresa é cheia de imposições quanto a IPs do Brasil e como protesto não vou colocar os atalhos!); mas ao menos lançou a série com o filme juntos num pacotes em home vídeo no USA.

Você são feios e não são gundam´s....
Como fazer um péssimo mascarado!? Comece "latindo" o nome do protagonista..., tenha uma motivação patética!, dor de corno é um bando de "pseudo" nazis/império junto de você! E pronto você tem seu genérico mascarado!
Os verdadeiros "culpados" de tudo!

Trailer

Trailer do "filme"

Links Uteis

Site oficial (na maior parte em Japonês)

No Wikipédia(em inglês)

Lista de episódios (em inglês)

Bandai Channel oficial

210 visualizações

©2019 por brasilanimecafe. Orgulhosamente criado com Wix.com